Hoje, no Brasil, mais da metade da população sofre com excesso de oleosidade na pele, isso ocorre devido a constituição genética ou por desequilíbrios hormonais. Os poros ficam dilatados, com excesso de oleosidade, permitindo o aparecimento de cravos, espinhas e brilho, caraterístico do excesso de gordura na pele. A oleosidade se concentra na zona T do rosto, que é, na testa, nariz e queixo, e para mantê-la bonita e saudável exige alguns cuidados.

Cuidados com a Pele Oleosa:

  • Lave o rosto duas a três vezes ao dia usando somente água, sabonete a base de glicerina, ou sabonete próprio para pele oleosa. Evite lavar muitas vezes porque isso pode causar efeito rebote e sua pele produzir mais oleosidade para compensar o excesso de vezes que você lava o rosto;
  • Esfoliar a pele duas vezes por semana, ajuda no controle da oleosidade;
  • Usar somente produtos (hidratante, maquiagem) indicados para quem tem pele oleosa, mesmo tendo a pele oleosa é importante manter uma boa hidratação da pele, pois a pele hidratada vai naturalmente produzir menos oleosidade;
  • Use diariamente (a cada 2 a 3 horas) o protetor solar indicado para pele oleosa;
  • Todos os produtos que você aplicar sobre sua pele devem ser específicos para quem tem pele oleosa, então prefira sempre as formulações em gel ou gel-creme que tem pouco óleo ou são Oil Free (livres de óleo).

Vale ressaltar que é sempre bom buscar a orientação de um profissional da área estética ou um dermatologista. Além do uso de produtos adequados para a pele oleosa, uma alimentação saudável também ajuda a diminuir o aspecto brilhante da pele.